Mondial de la Biére | Confiram como foi a 4ª edição carioca de um dos maiores eventos de cerveja do mundo

dsc_0022

Quem nos acompanha nas mídias sociais, Youtube e site sabe que amamos uma boa cerveja, principalmente se for uma artesanal. Por essas e outras não podíamos deixar de participar da 4ª edição do Mondial de la Biére no Rio de Janeiro. O evento ocorreu neste mês de outubro e contou com mais de 1000 rótulos, diversas cervejarias, food trucks e muita diversão.

O primeiro dia começou atribulado, com um sol inclemente e muitas filas, mas isso foi compreensível pois além de ser o primeiro dia de um mega evento, era um feriado nacional. Assim, a fila para entrar e para fazer tudo quanto aos que chegaram cedo era inevitável. Mas ao longo do dia, a fila foi diminuindo e a circulação interna aumentando.

dsc_0155

dsc_0152

dsc_0107

dsc_0070

Gabriel Mesquita, nosso resenhista, compareceu neste 12 de outubro e adorou tudo: os atendentes dos estandes, a comida, a cerveja, tudo mesmo. Por isso, nos mantivemos animados e controlados para a nossa ida no sábado, dia 14 de outubro. Tivemos uma grata surpresa ao chegar cedo e sermos os primeiros da fila! Foi muito bom, porque pudemos entrar com calma, carregar os cartões especiais do evento antes mesmo de entrar e já usar o banheiro logo de cara para ficar de boa por um tempo.

E depois foi só diversão! Começamos com o estande maravilhoso da Jeffrey que tinha uma piscina de bolinha divina, onde eu mergulhei gritando bazinga (risos). E depois disso fomos degustar as centenas de delícias que haviam por todos os piers 2, 3 e 4 do Pier Mauá.

dsc_0036

dsc_0032

dsc_0063

dsc_0056

Com doses a partir de 3 reais, era possível beber muito e comer algo bem gostoso com uma quantidade razoável de grana, ao contrário do que havíamos ouvido de várias pessoas.

E esta não foi a única coisa contrária aos comentários: não pegamos fila para ir ao banheiro mais uma vez e os mesmos tinham sempre alguém da limpeza presente, para carregar mais o cartão do evento (que substituiu o dinheirinho no estilo "Banco Imobiliário" das outras edições), a fila que pegamos para comer foi breve e aa comida estava divina, todos os atendentes de todos os estandes que visitamos foram extremamente gentis, além do pessoal da organização também.

dsc_0054

dsc_0044

Como podem ver, foram experiências diferentes, de pessoas e perspectivas diferentes, por isso tentamos não julgar o evento antes de ir e deu muito certo. O ambiente estava bem agradável no geral, com os galpões amplos bem frescos e só começaram mesmo a esquentar lá para as 18h quando a quantidade de pessoas aumentou absurdamente rápido.

Quando fomos comer, encontramos um lugarzinho bom ao ar livre, haviam muitas lixeiras por perto e bastante lugar sobrando na extremidade do pier 4. Fechamos o dia pouco antes das 18h30, ao som das bandas que já iniciavam os shows e animavam a galera. No clima descontraído ainda encontramos um de nossos amigos do Airsoft, Claudio Polli, o casal System of a Down: Carol e Rafael, que também se casaram no Rock in Rio e pelos quais nutrimos uma amizade regada ao amor de todos nós pelas cervejas artesanais.

dsc_0137

O saldo? Nos apaixonamos pelo evento e em 2017 estaremos lá com certeza, com mais grana, assim esperamos. Se você tem vontade de ir, se programe, junte sua graninha e aguarde pela próxima edição. Nos vemos lá 😉

Vejam mais fotos em nosso Facebook clicando aqui.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

https://o.twimg.com/2/proxy.jpg?t=HBgtaHR0cDovL3N0YXRpYy5vdy5seS9waG90b3Mvb3JpZ2luYWwvN3RqZ24uZ2lmFOwJFOwJABYAEgA&s=Y-LkLtRmCw5Iq1wTo8dBqpPeNRJBdcMy8ytpeCBGjts