Recap Game of Thrones S6E4: “Book of the Strange”

game-thrones-6-temporada-teaser-img3-embrulha-blog1

O que dizer do episódio fantástico de Game of Thrones do último domingo? Vimos simplesmente que as coisas de fato caminham para um fim e que tal fim pode culminar em chamas contra gelo. Analisemos as melhores partes:

Castle Black

Sansa finalmente se encontra com Jon no Castle Black e o incita a lutar pelo norte e por Winterfell, o irmão nega a princípio, mas depois de receber uma carta de Ramsay Bolton dizendo tudo de horrível que ele fará com os Selvagens, com o próprio Jon, com Rickon e com Sansa ele resolve que Ramsay deve ser combatido. Não sei para vocês, mas o Ramsay e sua maldade estão ficando enfadonhos, visto que ele se tornou extremamente previsível devido a ela. Uma nota engraçada foram os olhares de atração que Tormund lançou para nossa querida Brienne, o que foi hilário.

Winterfell

Voltando a falar de Ramsay, ele continua a matar pessoas e desta vez foi a selvagem que foi encontrada com Rickon. Não consegui não imaginar que era a Tonks de Harry Potter morrendo novamente. Ele a matou por duas razões: 1) ele é o Ramsay, espera-se que ele mate tudo e todos mesmo; 2) ele conseguiu a informação de que ela foi a que retirou Rickon de Winterfell para início de conversa. Como disse acima, Ramsay Bolton está muito chato por sua previsibilidade e atitudes nada inovadoras! Ele parece ser o mal que deve ser combatido, tanto quanto os White Walkers.

Porto Real

Vemos eu o Pardal está tentando quebrar Margaery Tyrell e seu irmão e está tendo sucesso com este último. Tomen está sendo aconselhado pela mãe e Cersei entra no pequeno conselho com Jamie informando que o Pardal tem a intenção de fazer a rainha passar pelo mesmo "Walk of Shame" que ela mesmo passou, o que aterroriza a avó de Margaery e permite que Cersei e Jamie façam um plano junto com o exército dos Tyrell para contra-atacar. Devo confessar que isso não só é promissor como será muito interessante de ver, porque o Pardal é outro personagem que está cansando um pouco e será divertido ver como mudam tudo com esta empreitada.

Meereen

Tyrion negocia com os escravagistas 7 anos de escravidão que serão cessados aos poucos e com vantagens para eles, contanto que parem de financiar os Filhos da Harpia. Verme Cinzento e Missandei são contra esta política de pacificação alegando que, para um escravo, 7 anos são muito mais do que só o tempo que parece. De sua forma inteligente e mais estratégica do que sentimental, Tyrion está ganhando tempo para Daenerys.

Vaes Dothrak

Enquanto isso tudo acontece em outras localidades, temos um final de episódio incrível com Daenerys sendo julgada pelos Khals e queimando a todos dentro do templo, após eles terem dito que a molestariam até acabar com ela. Ao verem o fogo, todos em Vaes Dothraki correm para lá e presenciam a Mãe dos Dragões sair nua e ilesa de dentro das chamas! O poder dela realmente é notável! Ela toca no metal incandescente sem se ferir e as chamas lambem sua pele sem ferí-la. Todo o povo, inclusive Sir Jorah e seu companheiro de viagem ajoelham diante da Não Queimada numa cena que me deixou completamente arrepiada.

É isso! Grandes batalhas decidirão as "semifinais" da estória até sobrar dois grandes exércitos e por fim, aquele ou aqueles que governarão Westeros em sua totalidade. Estamos mesmo nos encaminhando para um fim que pode ser muito mais interessante do que muitos pensam.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

https://o.twimg.com/2/proxy.jpg?t=HBgtaHR0cDovL3N0YXRpYy5vdy5seS9waG90b3Mvb3JpZ2luYWwvN3RqZ24uZ2lmFOwJFOwJABYAEgA&s=Y-LkLtRmCw5Iq1wTo8dBqpPeNRJBdcMy8ytpeCBGjts